Existe no mercado um vasto material sobre empreendedorismo, ensinando como abrir um negócio, planejar as ações de marketing, aumentar as vendas, gerir um negócio, entre outros. No entanto pouco se fala sobre uma estratégia de saída, ou seja, o que fazer para vender uma empresa?

O dia-dia dos empresários donos de Pequenas e Médias Empresas (PMEs) é focado na gestão da sua empresa, não sobrando tempo para pensar na possibilidade de venda, tão pouco atuar sobre venda da empresa.

Ainda assim, é importante pensar sobre o assunto, afinal, pode chegar um momento em que a venda da empresa passa a ser uma boa alternativa, nesse caso, é fundamental estar preparado.

O momento e o motivo da venda

No mundo das Pequenas e Médias Empresas (PMEs) o principal motivo da venda é na grande maioria dos casos o pior momento, ou seja, os empresários decidem vender suas empresas quando essas estão passando por dificuldades. Nesta situação, torna-se evidente que o número de potenciais investidores será menor, assim como o valor oferecido pelos poucos interessados não será o melhor.

As definições sobre o formato de venda

De acordo com os objetivos do empresário, deverão ser definidos alguns critérios importantes sobre o formato da venda, como por exemplo:

  • A venda será total ou parcial?
  • No caso de venda parcial. A participação vendida será minoritária ou majoritária?
  • Qual o percentual de quotas ideal a ser vendida?
  • O pagamento pela compra da empresa (ou quotas) será cash in, cash out ou ambos?
  • Se pretende sair do negócio, como será a passagem de bastão?

Essas são algumas questões que precisam ser tratadas para que a tese de desinvestimento possa ser estruturada de maneira estratégica, visando abordar o mercado corretamente, evitando expor a empresa inadequadamente.

Como identificar se a empresa está preparada para venda

Aqui vale destacar que fazer a preparação da empresa para venda vai muito além da venda. Esse trabalho irá ajudar os empresários a gerir melhor sua empresa, trazendo sustentabilidade ao negócio.

Antes de iniciar o processo de venda, o empresário precisa ter clareza se as informações e os documentos que serão exigidos pelos potenciais compradores estão em ordem.

As questões abaixo podem ajudá-lo a identificar o quanto a empresa está preparada para iniciar um processo de Fusões & Aquisições (F&A):

  • As demonstrações financeiras e contábeis da empresa são confiáveis?
  • O controle de estoque está adequado?
  • A situação tributária da empresa está regular?
  • A empresa tem mapeamento dos passivos trabalhistas, tributários, ambientais, entre outros?

Estas respostas são de extrema importância e podem ser obtidas a partir da realização de um diagnóstico empresarial ou uma pré due diligence.

Download do E-book

Para um entendimento mais amplo sobre a preparação da empresa para a venda, preparamos um material exclusivo e que poderá ajudá-lo a entender melhor os pontos importantes sobre a venda de empresas. Para baixar o e-book basta clicar nesse link.